Guarda-redes: Jorge Jesus insatisfeito

Primeiro tentou contratar Eduardo,guarda-redes que foi seu pupilo no Sporting de Braga e a quem ajudou a ganhar outra dimensão, a ponto de ser o actuar titular da Selecção nacional. A SAD benfiquista entrou em acção, mas bastou uma sondagem junto do presidente do clube minhoto, António Salvador, para os encarnados ficarem a saber que os 2 milhões de euros oferecidos pelo jogador eram considerados insuficientes.

Rui Costa, que já não se mostrou entusiasmado com a ideia, propôs o argentino Andújar, que considera ser um dos melhores do Mundo na sua posição. O negócio estava praticamente fechado entre o Benfica e o Estudiantes de la Plata, mas, à última hora, o argentino optou pelo modesto  Catania (Itália).

Jorge Jesus optou então por reforçar outros sectores da equipa e apostar nos dois guarda-redes que têm alternando a titularidade no Benfica há quase cinco épocas,  Quim e Moreira. À cautela, recomendou Júlio César, outro ex-pupilo no Belenenses, e com este trio partiu para a conquista dos títulos que adeptos e presidente exigem para a época 2009-10. Contudo, apurou o CM, a questão dos guarda-redes foi um tema bem resolvido para o técnico encarnado que, numa estratégia que visou mais a recuperação psicológica de Quim de que uma escolha baseada em capacidade técnica. No entanto, tanto um como outro continuam a denotar a mesma intranquilidade que marcou a baliza dos encarnados com Quique Flores no comando técnico. Em dois jogos consecutivos, Quim deu uma fífia que só por milagre não redundou no golo do Vitória de Guimarães e anteontem, em Poltava, Moreira saiu fora de tempo a um cruzamento, permitindo aos ucranianos marcar  o primeiro golo (48’).

A indefinição na baliza encarnada já custou aos dois guarda-redes encarnados a presença na própria Selecção nacional. O primeiro deixou de ser convocado ainda na época passada, quando Quique decidiu retirar-lhe a titularidade numa altura de claro sub-rendimento, e agora Moreira, que vinha integrando as escolhas de Queiroz, foi preterido nas deslocações à Dinamarca e à Hungria, por estar no banco. O CM sabe que Jesus pretende testar Júlio César no Torneio em Toronto (Canadá), a meio desta semana,  mas a  tentação por Eduardo, em Janeiro, depende do desempenho do trio de guarda-redes.

TITULARISSÍMO NA EQUIPA NACIONAL

Eduardo dos Reis Carvalho nasceu em Mirandela, a 19 de Setembro de 1982, e representou o Sporting de Braga B entre 2001 e 2006. Passou por Beira-Mar e V. Setúbal antes de regressar ao clube minhoto e é o actual titular da Selecção portuguesa.

António Pereira
Fonte: Correio da Manhã
Anúncios

0 Responses to “Guarda-redes: Jorge Jesus insatisfeito”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s





%d bloggers like this: